O Anjo Caído

bussola_anjocaidoQuarto volume da Coleção HQ Saraiva, “O Anjo Caído”, do ilustrador Soud, traz contos da literatura universal com a presença sempre ilustre do demônio. Passadas na Idade Média, as tramas –que são curtinhas- mostram como num cenário de desespero pela ausência de comida, dinheiro e esperança as pessoas podem abrir mão do único “bem” que realmente possuem –suas vidas    em troca de algo que as salve.

Em comum, as quatro histórias – “O Moinho do Diabo”, “A Criança Vendida Para o Diabo”, “Carvões Para a Lareira do Diabo” e “O Sócio do Diabo” – têm o “jeitinho” humano de driblar o anjo caído, fazendo com que apenas a parte do acordo que beneficia os protagonistas seja cumprida, mas não a de terem suas almas levadas pela figura mítica.

É curioso notar como, há mais de 500 anos, as pessoas tendem a procurar soluções fáceis para resolverem seus problemas rapidamente. Normalmente sem se preocupar com as consequências dos seus atos (esqueça o contexto religioso, modernize alguns elementos e as tramas podiam muito bem se passar nos dias atuais). Os protagonistas dos contos, porém, ou percebem no que estão prestes a se meter ainda enquanto conversam com o Demo ou têm um surto de lucidez logo na sequência. Acredito que o artifício da época em que as histórias eram passadas de geração para geração fosse justamente o de alertar as pessoas de uma forma diferente do que a com o óbvio final ruim. E talvez passar a segurança de que o mal não ganha todas.

Com tons escuros e aspecto sombrio, como não poderia deixar de ser, cada uma das tramas traz traços diferentes para os personagens e o próprio diabo.

 

O Anjo Caído – Em quatro contos clássicos da Literatura Universal
Soud
Editora Saraiva
72 páginas

Comente: